Follow @Infos_Inter Informativo Inter: Outubro 2011

domingo, 30 de outubro de 2011

Inter Bate o Atlético-Go No Serra Dourada !

 
Se ficou a frustração no empate em 1 a 1 contra o Corinthians, o Inter conseguiu buscar os pontos fora de casa. Venceu o Atlético-GO por 1 a 0, na noite deste domingo e encostou de vez no G5, com um ponto a menos que o quinto colocado. O time goiano não era derrotado no Serra Dourada há oito rodadas.
Com a vitória, O Inter ficou na sexta colocação, com 51 pontos. E no próximo domingo, o adversário será justamente o quinto colocado. Inter e Fluminense farão uma verdadeira decisão por vaga direta na Libertadores.
A partida marcou o retorno de Leandro Damião. O centroavante aguentou até os 45 minutos do segundo tempo. Mas quem marcou o gol da vitória foi Kleber, em lance treinado por Dorival Júnior durante a semana.


 Palavras de alguns jogadores e dirigentes do Inter:    

Com mais essa vitória fora de casa, o Inter fica a apenas 1 ponto da zona de classificação à Libertadores


"Conseguimos um grande resultado e mais uma vez encostamos nos líderes. Jogar aqui é sempre muito difícil, mas a gente soube segurar bem. Se a gente continuar assim, pode continuar com o nosso objetivo. Nós temos jogos de confrontos diretos e a gente sabe que todo mundo vai ter que estar com a mesma disposição", diz Kleber.


"Agora nós estamos no caminho, vamos em frente. Jogamos desfalcados, mas quem entrou deu conta do recado", ressalta o assessor de futebol Cuca Lima
"A gente veio aqui, fez um bom trabalho e continua na luta pelo título", diz Ilsinho

Com a vitória, o Inter subiu uma posição e agora está em 6º, com 51 pontos

"Nós tínhamos a obrigação de vencer, encostar nos líderes e buscar primeiro a classificação à Libertadores. No próximo domingo temos um jogo decisivo em casa, contra o Fluminense, e temos que manter um bom futebol", destaca o presidente Giovanni Luigi.

FICHA TECNICA:

32ª rodada

Atlético-GO 0 x 1 Inter

ATLÉTICO-GO

Márcio, Rafael Cruz, Gilson, Anderson e Ernandes; Marino, Pituca, Bida (Diogo Campos) e Vitor Júnior; Anselmo (Marcão) e Felipe (Juninho).
Técnico: Hélio dos Anjos

INTER

Muriel; Sandro Silva, Bolívar, Juan e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho (Elton), Tinga (João Paulo) e Oscar; Leandro Damião (Fabrício).

Técnico: Dorival Júnior

Gols:
Inter: Kleber (15min/2ºT)


Cartões amarelos:
Atlético-GO: Rafael Cruz, Gilson, Juninho
Inter: Leandro Damião, Sandro Silva

Árbitro: Marcos André Gomes (ES)
Assistentes: José Maciel Linhares (ES) e Helberth Andrade (MG)

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: Domingo, 30 de outubro de 2011

domingo, 23 de outubro de 2011

Inter Empata Com o Líder No Beira-Rio !


Foi um jogo sofrido, difícil, encrespado. Digno de um clássico. Inter e Corinthians fizeram uma grande partida e empataram por 1 a 1, na tarde deste domingo, no Beira-Rio.
Nei, mais uma vez, justificou a boa fase e marcou o gol vermelho. O Inter só não contava com a perícia de um ex-colorado. Alex, em cobrança de falta frontal, deixou tudo igual ao marcar aos 43 da segunda etapa. Deixou um clima de frustração no Beira-Rio.
O resultado manteve o Inter na sexta colocação, com 48 pontos. Já o Corinthians caiu para a segunda, com 55. O líder é o Vasco, com 57.


OBS: Agora Inter está a 2 pontos da Libertadores, e a 9 do líder, para mim IMPOSSIVEL ser campeão agora, mas para Libertadores, nós vamos !


FICHA TÉCNICA
 
INTER 1
Muriel, Nei, Rodrigo Moledo, Juan e Kléber; Guiñazu, Bolatti (João Paulo, intervalo), Andrezinho (Tinga, 32'/2ºT), D'Alessandro e Oscar (Ilsinho, 20'/2ºT); Jô.
Técnico: Dorival Júnior.
CORINTHIANS 1Julio Cesar; Alessandro, Paulo André, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo (Edenílson, 33'/2ºT) e Alex; Willian (Welder, intervalo) e Liedson (Jorge Henrique, 18'/2ºT).
Técnico: Tite.
Estádio: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Auxiliares: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Erich Bandeira (Fifa-PE)
Renda/público: R$ 564.990,00 e 32.299 pagantes
Cartões amarelos: Rodrigo Moledo, D'Alessandro, Nei (INT); Paulinho (COR)
Cartões vermelhos: Alessandro, 40'/1ºT; D'Alessandro, 43'/2ºT;
GOLS: Nei, 21'/2ºT (1-0); Alex, 43'/2ºT (1-1);

domingo, 16 de outubro de 2011

Inter Vence o Avaí No Beira-Rio !


D´Alessandro recebe troféu que leva o nome de Marcelo Kripka em homenagem ao presidente da torcida FICO, que faleceu domingo passado.

"Vamos levar essa força e brigar até o final, podem ter certeza", afirmou o volante Tinga.

Inter está a três pontos da zona de classificação para a Libertadores, faltando oito rodadas.

"O torcedor tem que apoiar o tempo todo. Não adianta vaiar no intervalo. Conseguimos uma virada muito importante", afirmou D´Alessandro, o nome do jogo.

-------------

Para que atacantes se o Inter tem D'Alessandro? Assim, com dois gols e uma assistência do argentino, o Inter suplantou seus problemas ofensivos e venceu o Avaí por 4 a 2 em um jogo complicado na tarde ensolarada deste domingo no Beira-Rio, pela 30ª rodada do Brasileirão. Kleber e Nei marcaram os outros gols. Robinho e William balançaram as redes para o Avaí.

A vitória não faz o Inter avançar na tabela — segue em sétimo —, mas deixa o time de Dorival Júnior com 47 pontos, a três do Fluminense, primeiro clube na zona da Libertadores. Agora, o Inter recebe o líder Corinthians, no próximo domingo, no Beira-Rio, para cumprir a meta de seis pontos nos dois jogos em consecutivos em casa.

 Ficha Tecnica:

30ª rodada
Inter 4 x 2 Avaí
INTER
Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Juan e Kleber; Bolatti (Tinga), Guiñazu, Andrezinho (Oscar), D'Alessandro e João Paulo; Jô (Ilsinho).

Técnico: Dorival Júnior

AVAÍ
Felipe; Arlan, Cássio, Gian e Fernandinho; Bruno Silva, Júnior Urso e Diogo Orlando; Cléverson (Rafael Coelho), Robinho (Leandrinho) e William.
Técnico: Toninho Cecílio

Gols
Inter:
D'Alessandro (8min/2ºT, 32min/2ºT), Kleber (34min/2ºT), Nei (38min/2ºT)
Avaí: Robinho (8min/1ºT), William (26min/1ºT)

Cartões amarelos
Inter:
Kleber, João Paulo
Avaí: Fernandinho, Júnior Urso, Felip, João Paulo

Público: 20.788
Renda:
R$: 248775
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (Fifa/SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto (SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (SP)

Local:
Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: Domingo, 16 de outubro de 2011

@Infos_Inter

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Na Arena Barueri, Inter Empata Com o São Paulo !




Era confronto direto. Daqueles que as equipes entram para ganhar. Mas termiraram empatadas. O Inter ficou no 0 a 0 com o São Paulo nesta quarta, pelo Brasileirão, em partida realizada na Arena Barueri, no interior paulista. O resultado não é dos melhores nem agrada as pretensões do Inter, nem do São Paulo. Mas acaba rendendo pelo menos um ponto para "gregos e troianos".
As duas equipes proporcionaram um primeiro tempo equilibradíssimo. Seja nas oportunidades criadas, seja na posse de bola. O centroavante Dellatorre, que entrou no time na vaga de Jô, suspenso, que por sua vez substituía Damião, lesionado, mostrou empenho. Porém, ou sentiu falta de ritmo de jogo, ou talvez até um desentrosamento com os companheiros. De resto, Ilsinho e Andrezinho, juntamente com D'Alessandro, que orquestrou o setor conseguiram dar movimentação ao ataque.

Com o resultado, o time colorado manteve a sétima colocação, com 44 pontos, e segue firme na briga pela entrada no G-5.



 Ficha Tecnica:

São Paulo 0 x 0 Inter
SÃO PAULORogério Ceni; Jean, João Filipe (Xandão), Rhodolfo e Juan; Wellington, Carlinhos Paraíba (Casemiro), Cícero e Rivaldo; Dagoberto (Marlos) e Luis Fabiano.
Técnico: Adílson Batista

INTER

Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho (Tinga), D’Alessandro e Ilsinho (João Paulo); Dellatorre (Fabrício).
Técnico: Dorival Júnior

Cartões amarelos
São Paulo:
Juan, João Filipe
Inter:
Guiñazu, Ilsinho, Kleber

Público: 23.400 (pagantes)
Renda: R$ 483.265,00

Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa/PR)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa/PR) e José Amilton Pontarolo (PR)

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP)
Data: Quarta-feira, 12 de outubro de 2011

@Infos_Inter

domingo, 9 de outubro de 2011

Inter Atropela o Líder Vasco No Beira-Rio !



Com a vitória, o Inter subiu para 43 pontos, em sétimo lugar no Brasileirão, e ficou a três pontos da zona de classificação para a Libertadores, faltando 10 rodadas.


"A gente precisava mostrar que o Inter vai brigar até o final. Agora é buscar pontos fora de casa", afirmou o meia D´Alessandro.

"Mesmo com a idade, a gente procura corresponder. Sempre me considerei um coadjuvante que procura ajudar sempre o time e o grupo", disse o zagueiro Índio.

"Depois de tanto tempo sem jogar é normal as dores. Chega um momento do campeonato a gente tem que se propor a jogar de qualquer jeito e ir pro sacrifício", revelou Zé Roberto.

"A gente sabe que tem condições de ajudar o Inter por muito tempo", contou Tinga.

OBS: Torcida do Inter hoje foi espetacular, cantou os 90 minutos, não parou. Hoje tivemos um momento triste na tarde deste domingo, a morte de Marcelo Kripica, ex-conselheiro do Inter, e Lider da torcida Super F.I.C.O !

Hoje o time jogou muito, D'Alessandro se destacando novamente, Ilsinho jogou muito, João Paulo entrou muito bem, Nei foi incansável, entre outros, no geral todo time foi muito bem.

Ficha Técnica:


INTER
Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Kleber; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho (João Paulo), D’Alessandro (Tinga) e Ilsinho (Zé Roberto); Jô.
Técnico: Dorival Júnior

VASCO

Fernando Prass; Fágner, Renato Silva, Victor Ramos e Jumar; Rômulo, Eduardo Costa (Fellipe Bastos) , Felipe (Diego Rosa) e Diego Souza; Éder Luís e Alecsandro (Bernardo).
Técnico: Cristóvão Borges

Gols
Inter:
D'Alessandro (3min/2ºT), Índio (31min/2ºT), Tinga (44min/2ºT)

Cartões amarelos
Inter:
Jô, Índio
Vasco: Jumar, Leandro, Fagner, Diego Rosa, Bernardo

Árbitro
: Alício Pena Júnior (MG)
Assistentes: Carlos Berkenbrock (FIFA-SC) e Guilherme Camilo (MG)

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: Domingo, 9 de outubro de 2011



@Infos_Inter

sábado, 8 de outubro de 2011

Inter Erra Muito e Perde Para o CAP !




Com dois gols de cabeça de Nieto, o Atlético Paranaense venceu o Internacional por 2 a 0, neste domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro. A vitória fez com que o time subisse para a 17.ª colocação, com 27 pontos, mas ainda na zona de rebaixamento. Já o clube colorado, com 40 pontos, fica na 7.ª posição, mais distante da zona de classificação à Copa Libertadores da América.

Sob o risco de rebaixamento, o Atlético pressionou o Internacional em seu campo desde o início da partida. Com forte marcação, o time não dava espaço para o rival gaúcho criar, mas também encontrava dificuldades. Aos 15 minutos, Nieto perdeu uma chance clara na frente do goleiro Muriel. O lance mostrou a pressão que a torcida fazia sobre os atletas, visivelmente nervosos em campo.

O Internacional não se arriscava no ataque e somente aos 23 minutos, em uma cabeçada de Jô, o time colorado assustou a defesa paranaense.

Na segunda etapa, Antônio Lopes deslocou Marcelo Oliveira para a esquerda e reforçou o meio de campo do Atlético com Marcinho. A estratégia deu certo e foi Marcinho, aos 13 minutos, que cruzou da esquerda para Nieto subir mais que a zaga e abrir o placar. Logo em seguida, Dorival Júnior colocou os atacantes João Paulo e Alex, mas ainda assim, apesar de aumentar o volume de jogo, não definia as jogadas.

O Atlético definiu a partida aos 38 minutos, quando Edílson acertou um cruzamento na cabeça de Nieto, que não precisou subir para ampliar o placar. Com o gol, o time rubro-negro passou a administrar o resultado até o final.

Ficha técnica
Atlético-PR 2 x 0 Internacional
Atlético-PR - Renan Rocha; Edílson, Manoel, Fabrício e Paulinho (Marcinho); Renan (Fransérgio), Marcelo Oliveira, Cleber Santana e Paulo Baier; Guerrón e Nieto. Técnico: Antônio Lopes.

Flamengo - Muriel; Nei, Bolívar, Juan e Fabrício; Bolatti, Guiñazu (João Paulo), Oscar e D'Alessandro; Ricardo Goulart (Alex) e Jô. Técnico: Dorival Júnior.

Gols - Nieto, aos 13 e aos 38 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Guerrón (Atlético-PR); Guiñazu (Internacional).

Árbitro - Paulo César Oliveira (Fifa-SP).

Renda - R$ 272.120,00.

Público - 14.431 pagantes.

Local - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).